Para evitar golpe da oposição, Florêncio Neto decide assumir temporariamente cargo de prefeito de Bacabal; decisão teve aval de Zé Vieira

9
Edvan sonhava em assumir o
cargo de prefeito.

Depois do ato de declarar a vacância do cargo de prefeito, o presidente da Câmara de Vereadores, voltou a sonhar em assumir o comando do executivo bacabalense, e, muitos, já davam isso como certo. A trama orquestrada pela oposição derrotada e golpista apostava que o vice-prefeito Florêncio Neto (PHS) não fosse atender a convocação para assumir temporariamente a titularidade do cargo de prefeito, mas, no entanto, mesmo certo que a iniciativa de Edvan é parte de uma conspiração para tomar na marra o cargo de Zé Vieira (Progressista), Florêncio, em comum acordo com o legitimo prefeito, eleito pela vontade popular, resolveu comparecer ao plenário do poder legislativo na manhã desta segunda-feira (8).

Agora que Edvan e os mentores dos seus atos arbitrários deram com os burros n’água, a defesa de Zé Vieira tomará as medicas jurídicas cabíveis que, logo, devolverão ao município a tranquilidade administrativa que tanto a aposição insiste em tirar, pois, como já havia sido esclarecido, o Superior Tribunal de Justiça (STJ), por decisão do Ministro Napoleão Nunes Maia, ao apreciar um recurso interposto pelo Ministério Público do Maranhão, manteve a decisão dos Desembargadores Raimundo Nonato Magalhães Melo, Nelma Celeste Souza Silva Sarney Costa e Cleonice Silva Freire, a favor do Prefeito de Bacabal José Vieira Lins.

O Ministro, ainda, negou o pedido formulado pelo Ministério Público e extinguiu a Reclamação Cível contra os três magistrados que tinham decidido em favor do prefeito bacabalense.

Portanto, as decisões tomadas a favor de José Vieira foram ratificadas pelo STJ.

Lealdade

Assim que deixou o prédio da Câmara Municipal, Florêncio Neto foi à residencia de Zé Vieira e fez questão de demonstrar a sua amizade e lealdade política ao prefeito de Bacabal. “Infelizmente a oposição continua insistindo em atrapalhar,  a primeira visita que fiz após a caótica sessão que nos empossou prefeito foi ao meu amigo Zé Vieira, não aprendi a ser traidor e o sentimento que mais preservo é a gratidão, estamos juntos Zé!“, escreveu o vide-prefeito nas redes sociais.